MILKA BLACKBULLSKENNEL

MILKA BLACKBULLSKENNEL

Milka

Dados

 Sexo: F√™mea
 Nascimento: 05/02/2020
 Cor: piebald chocolate
 Observa√ß√Ķes

 

Entre em contato


Novidades

Na decora√ß√£o e arquitetura o cl√°ssico nunca sai de moda e faz sempre sucesso. VOC√ä CURTE ABSTRATO?.J√° imaginou a nova decora√ß√£o do seu quarto? √Č hora de se presentear !.Nada melhor do que... Saiba Mais

Ter, em casa, a companhia de um animal dom√©stico pode representar, para muitos, uma forma de espantar a solid√£o que afeta boa parte da popula√ß√£o em meio √† pandemia e ao isolamento social dela decorrente. Essa tend√™ncia tem sido percebida nos √ļltimos meses, segundo especialistas consultados pela Ag√™ncia Brasil.A ado√ß√£o de um pet, no entanto, requer alguns cuidados. Principalmente para evitar uma outra tend√™ncia tamb√©m percebida desde a chegada da covid-19: o aumento do n√ļmero de animais abandonados - algo que poderia ser evitado caso a pessoa tivesse consci√™ncia das responsabilidades que existem por tr√°s da ado√ß√£o de um animal dom√©stico.A influ√™ncia da pandemia na rela√ß√£o das pessoas com seus pets foi percebida pelo Centro de Zoonoses do Distrito Federal, segundo o gerente de Vigil√Ęncia Ambiental de Zonooses, Rodrigo Menna Barreto. De acordo com o m√©dico veterin√°rio, entre janeiro e setembro de 2020 o n√ļmero de ado√ß√Ķes de animais registrados pela Ger√™ncia de Vigil√Ęncia Ambiental e Zoonoses (Gvaz) foi maior do que o dobro do registrado em todo o ano anterior, quando a pandemia n√£o havia ainda chegado ao pa√≠s."Observamos que aumentou o n√ļmero de pessoas que adotaram c√£es e gatos,  341 no per√≠odo de janeiro a setembro de 2020 em rela√ß√£o a 168 animais doados em todo o ano de 2019", disse referindo-se ao trabalho de doa√ß√£o que √© feito em parceria com ONGs, Instituto Bras√≠lia Ambiental (Ibram) e volunt√°rias da zoonoses do DF. Menna Barreto acrescenta que, em 2019, 669 c√£es e gatos passaram por observa√ß√£o no canil da Gvaz. "S√≥ no per√≠odo de janeiro a setembro de 2020, j√° observamos 660 animais, n√ļmero que aumentar√° pois ainda faltam tr√™s meses para o fim do ano", disse ao ressaltar que a Gvaz n√£o recolhe animais com propriet√°rios, a n√£o ser que haja alguma suspeita de que ele seja portador de alguma doen√ßa como raiva ou leishmaniose, de forma a oferecer risco √† sa√ļde p√ļblica. A Gvaz pode atuar tamb√©m em casos onde, comprovadamente, os animais tenham agredido algu√©m.O gerente do Centro de Zoonoses explica que muitas das aquisi√ß√Ķes, recolhimento e ado√ß√Ķes de c√£es e gatos ocorrem por impulso, como√ß√£o ou at√© mesmo modismo. "Alguns dos que adotaram para companhia no per√≠odo de isolamento acabaram chegando √† conclus√£o que n√£o querem pets, ap√≥s perceberem que esses animais precisam de aten√ß√£o, carinho e cuidados veterin√°rios, o que gera um custo √†s vezes invi√°vel para quem tem or√ßamento apertado. Diante dessa situa√ß√£o, muitos acabam optando por abandonar o animal", disse.