• Capa 2041

BlackBullsKennel

Bem vindos ao BlackBullsK!

Canil de criação especializada em American Bully fundado em 2018.

Nossa História

Nosso Canil foi fundado em 2018, após contato com a raça e dois anos de pesquisa, escolhemos os cães que mais nos agradavam a trazer pro plantel. Com o amadurecimento dos cães e nosso contato com a criação se aprofundando, sentimos que aquele afeto e amor adquirido com nossos AUmigos (nosso bordão) deveria ser propagado. Então com ajuda e planejamento estamos desde então selecionando cães dentro dos padrões permitidos da raça características primais para nós como temperamento, comportamento, morfologia,  pelagem e estatura. Desenvolvendo assim um trabalho de melhoramento genético voltado a cães dóceis e amigáveis ao contato humano, com saúde e bem-estar priorizados, aliando o que há de melhor na raça ao pet doméstico.

Objetivo

Melhoramento genético voltado ao desenvolvimento de cães com temperamento e comportamento previsíveis, priorizando sempre a saúde e o bem-estar animal e seguindo os padrões da raça segundo as entidades que nosso canil é filiado.

Respeito

Seguimos as recomendações de bem-estar animal propostas pela OIE : Organização Mundial da Saúde Animal.

Compromisso

Nossos cães seguem os padrões das entidades filiadas IBC ( International Bully Coallition ) e ABBR ( American Bully Brazil Registry ) sendo assim todos nossos cães seguem os padrões determinadas por tais entidades e são sujeitos a registros de ninhada nas mesmas. *

* podendo nos filiarmos em outras




Novidades

Na decoração e arquitetura o clássico nunca sai de moda e faz sempre sucesso. VOCÊ CURTE ABSTRATO?.Já imaginou a nova decoração do seu quarto? É hora de se presentear !.Nada melhor do que... Saiba Mais

Ter, em casa, a companhia de um animal doméstico pode representar, para muitos, uma forma de espantar a solidão que afeta boa parte da população em meio à pandemia e ao isolamento social dela decorrente. Essa tendência tem sido percebida nos últimos meses, segundo especialistas consultados pela Agência Brasil.A adoção de um pet, no entanto, requer alguns cuidados. Principalmente para evitar uma outra tendência também percebida desde a chegada da covid-19: o aumento do número de animais abandonados - algo que poderia ser evitado caso a pessoa tivesse consciência das responsabilidades que existem por trás da adoção de um animal doméstico.A influência da pandemia na relação das pessoas com seus pets foi percebida pelo Centro de Zoonoses do Distrito Federal, segundo o gerente de Vigilância Ambiental de Zonooses, Rodrigo Menna Barreto. De acordo com o médico veterinário, entre janeiro e setembro de 2020 o número de adoções de animais registrados pela Gerência de Vigilância Ambiental e Zoonoses (Gvaz) foi maior do que o dobro do registrado em todo o ano anterior, quando a pandemia não havia ainda chegado ao país."Observamos que aumentou o número de pessoas que adotaram cães e gatos,  341 no período de janeiro a setembro de 2020 em relação a 168 animais doados em todo o ano de 2019", disse referindo-se ao trabalho de doação que é feito em parceria com ONGs, Instituto Brasília Ambiental (Ibram) e voluntárias da zoonoses do DF. Menna Barreto acrescenta que, em 2019, 669 cães e gatos passaram por observação no canil da Gvaz. "Só no período de janeiro a setembro de 2020, já observamos 660 animais, número que aumentará pois ainda faltam três meses para o fim do ano", disse ao ressaltar que a Gvaz não recolhe animais com proprietários, a não ser que haja alguma suspeita de que ele seja portador de alguma doença como raiva ou leishmaniose, de forma a oferecer risco à saúde pública. A Gvaz pode atuar também em casos onde, comprovadamente, os animais tenham agredido alguém.O gerente do Centro de Zoonoses explica que muitas das aquisições, recolhimento e adoções de cães e gatos ocorrem por impulso, comoção ou até mesmo modismo. "Alguns dos que adotaram para companhia no período de isolamento acabaram chegando à conclusão que não querem pets, após perceberem que esses animais precisam de atenção, carinho e cuidados veterinários, o que gera um custo às vezes inviável para quem tem orçamento apertado. Diante dessa situação, muitos acabam optando por abandonar o animal", disse.

Entre em contato

Extras

BlackBullsK

Estilo de Vida

BlackBullsK

Milka BBK